Mulher grávida é presa suspeita de agressão contra enteada no sertão

Uma mulher foi presa suspeita de agressão contra a enteada de 7 anos, na tarde desta quinta-feira (14), na cidade de São Bento, no Sertão paraibano. 

De acordo com o delegado da Polícia Civil, a mãe da menina denunciou as agressões após uma visita à filha na tarde dessa quinta-feira (15). O delegado Anderson Fontes informou ao Portal T5, que a suspeita foi presa em flagrante por estar sozinha há dias com a criança dentro de casa. "Não havia outros elementos. O pai da menina está fora da cidade há vários dias, então a prisão em flagrante da mulher foi realizada", disse.

Delegacia de Polícia Civil na cidade de São Bento, no Sertão paraibano.Foto:Divulgação/Polícia Civil

Durante o depoimento, a menina relatou ao delegado como aconteciam as agressões. "A criança revelou que foi agredida várias vezes com cabo de vassoura nas costas, tapas no rosto, teve a cabeça jogada contra parede e foi vítima de tentativa de enforcamento", contou Anderson. Sobre as acusações, na delegacia, a mulher, que disse estar em início de gestação, confessou em partes as agressões contra a menina e alegou que eram medidas para correção de maus comportamentos, além disso, a suspeita ainda disse ao delegado que o rosto da criança estaria machucado porque todos os dias ela cai da cama durante a noite.

Nesta sexta-feira (15), por decisão judicial, a prisão em flagrante foi convertida para prisão preventiva, com isso, a mulher foi encaminhada à Penitenciária Regional Feminina de Patos, na mesma região. Ainda de acordo com delegado, a audiência de custódia deve acontecer na próxima terça-feira (19).

Publicidade