A 100 dias do Maior São João do Mundo, festa confirma Safadão, Elba, Santanna e Fábio de Melo

Os forrozeiros de plantão podem começar a contagem regressiva, pois faltam 100 dias para o Maior São João do Mundo 2018, em Campina Grande. O evento vai acontecer de 1º de junho a 1º de julho. Entre os nomes já confirmados para a festa estão Wesley Safadão, Santanna, Elba Ramalho e o Padre Fábio de Melo, além de artistas locais como Amazan. Toda a programação vai ser divulgada pela prefeitura até o dia 15 de março.

Segundo a prefeitura e a empresa responsável pela organização do evento, este ano, o São João vai permanecer no Parque do Povo. A intenção da prefeitura de Campina Grande era levar a festa para um novo espaço que iria oferecer uma área maior em metros quadrados e melhor estrutura. Porém, a não conclusão do processo de licitação impossibilitou a mudança. O G1 fez um levantamento de como deve ser o São João deste ano, mostrando tudo que você precisa saber.

Nos eventos privados, que ocorrem de forma paralela ao Maior São João do Mundo, também foram confirmados shows de Aviões do Forró, Jorge e Matheus, Gusttavo Lima, Márcia Fellipe, Gabriel Diniz, Flávio José, Bell Marques, Durval Lelys, Harmonia do Samba, Magníficos, Dorgival Dantas, Luan Estlizado, Avine Vinny, Eliane, Saia Rodada, Felipe Araújo, Cleber e Kauan, Thiago Brava, Wallas Arais, Matheus e Kauan, Jonas Esticado, Geraldinho Lins, Pedrinho Pegação e Walkyria Santos. 

Sobre o São João do Parque do Povo, segundo o dono da empresa Aliança, Luís Otávio, que detém a concessão pública para realizar festa, o evento vai manter o mesmo padrão de 2017, porém, alguns pontos devem ser otimizados. “Esse é o São João que vamos explorar bastante a tecnologia. A ideia principal é manter a tradição, mas com bastante tecnologia. O evento vai chamar mais atenção”, disse ele.

Estrutura

No Parque do Povo, de acordo com a Aliança, a estrutura de estabelecimentos na festa vai ser a mesma do ano passado, contando com 8 restaurantes, 25 barracas de alimentação, 16 barracas da Vila Nova da Rainha, 112 bares, 10 barracas na Pirâmide e duas palhoças: Seu Vavá e Zé Lagoa. Também vai ser mantido o isolamento lateral na Rua Sebastião Donato, deixando uma faixa da via livre para os carros.

Palco 360º

A empresa também anunciou que vai manter a ideia de 2017 e adotar um modelo 360º para o palco principal, porém, ele deve passar por mudanças. “O palco de 2017 ficou muito grande. Então vamos manter o formato 360º, mas aproveitando melhor o espaço para o público e proporcionando uma visão melhor de todas as partes da área de shows”, disse Luís Otávio.

Frontstage

Outra novidade pro São João deste ano é que o setor frontstage (área reservada na frente do palco) vai ser coberta, oferecendo mais conforto. Apesar de ter um setor frontstage, que será particular, o público geral não será prejudicado, pois o formado do palco vai contemplar todos os lados.

Atrações

No Parque do Povo, os únicos nomes confirmados até esta quarta-feira (21), foram os de Wesley Safadão, Elba Ramalho, Padre Fábio de Melo e Santanna, O Cantador. Segundo a Aliança, as atrações já começaram a ser contratadas, porém, a empresa faz mistério para que todos os shows sejam divulgados pela prefeitura de Campina Grande. “Foi um pedido do prefeito e a empresa respeita”. Romero Rodrigues anunciou em entrevista que deve divulgar a programação do São João até o dia 15 de março.

Sítio São João

Em 2018, o Sítio São João está de novo endereço. A estrutura já está sendo montada na Avenida Floriano Peixoto, próximo ao ginásio de esportes O Meninão, no bairro Dinamérica. O sítio retrata a zona rural de uma cidade do Sertão do Nordeste da década de 1940, contando com casa de engenho, réplica das igrejinhas, capela, casa de farinha, bodega, a rádio difusora, uma tipografia e outros ambientes característicos do Nordeste.

O novo espaço é maior que o usado em 2017 e vai proporcionar um passeio mais confortável. O local também vai receber apresentações de bandas e trios de forró pé-de-serra. Até o ano passado, para entrar no local era necessário pagar um ingresso. Porém, alunos de escolas públicas com horários agendados não pagavam. Os valores deste ano ainda não foram definidos.

Trem do Forró

O prefeito de Campina Grande confirmou a realização do Locomotiva do Forró, porém as datas ainda não foram confirmadas, pois depende de algumas definições da empresa que ficará responsável pelo trem.

Nas viagens, o trem sai da Estação Velha de Campina Grande pela manhã e segue para o distrito de Galante, na zona rural, onde passa o dia. Em Galante é montada uma estrutura com restaurantes, bares e shows em palco para receber os passageiros. O retorno ocorre por volta no fim da tarde.

Em cada trecho (ida ou volta), o percurso é de 20 quilômetros e dura cerca de 2 horas e meia. O trem tem nove vagões livres, onde os passageiros podem ficar em pé e dançar. Em cada vagão vai um trio de forró pé-de-serra e os passageiros podem passar de um para o outro.

Ônibus do Forró

Além do trem do forró, Campina Grande também conta com outra atração de passeio turístico que é o ônibus do forró. Para este ano foi confirmada a realização dos passeios, mas ainda não há datas definidas. A previsão é de que seja utilizado um novo modelo de ônibus. Para os passeios, é preciso comprar ingresso. O ônibus passa pelos principais pontos de Campina Grande e os fatos históricos são narrados ao som de forró ou emboladas de coco com rimas.

Quadrilhas juninas

Em Campina Grande, as quadrilhas juninas já estão ensaiando desde setembro do ano passado para as competições de 2018. As datas de algumas disputas já foram divulgadas e começam a partir de 6 de junho. As competições em Campina Grande vão acontecer na Pirâmide do Parque do Povo.

Segundo o presidente da Associação das Quadrilhas Juninas de Campina Grande, Asquaju-CG, Lima Filho, uma novidade para este ano será a disputa da “Rainha da Diversidade”, onde homossexuais vão poder disputar o título de rainha junina. Além da etapa em Campina Grande, essa modalidade vai ter uma disputa a nível nacional.

Publicidade