Nota de esclarecimento

NOTA DE ESCLARECIMENTO

 

 

A senhora Manaíra Araújo dos Santos, 79 anos, deu entrada na urgência do Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro, na manhã do dia 03 de março, por volta da 9h30, trazida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU, entubada e com suspeita de Acidente Vascular Cerebral e Parada Cardio Respiratória. Ela foi acolhida pela equipe de urgência, mas a paciente necessitava de um ventilador mecânico, (aparelho para dar o suporte respiratório aos pacientes) e não de um desfibrilador.

O Complexo Hospitalar Regional Dep. Janduhy Carneiro dispõe de quatro leitos na área vermelha e cada leito possui um ventilador mecânico, tendo espaço para mais dois leitos extras, cada leito com um aparelho de ventilação. A UTI possui seis leitos e da mesma forma, cada leito com um ventilador mecânico totalizando, em todo o complexo, 12 ventiladores mecânicos. Esses equipamentos dão suporte respiratório aos pacientes mais graves. Vale ressaltar que cada setor do Complexo dispõe ainda de um carro de parada com desfibrilador acoplado.

No dia do ocorrido estávamos com os 12 aparelhos de ventilação em uso, por este motivo a paciente foi encaminhada a UPA, a fim de receber o suporte ventilatório necessário. Não houve, portanto, negligência no atendimento da paciente, apenas todos os aparelhos estavam em uso, em pacientes igualmente graves, dai a necessidade de transferência da mesma que, infelizmente, foi a óbito.

ENTENDA O CASO

Vereadores levam à tribuna da Câmara problemas em equipamentos de saúde de Patos

Publicidade