Título de Cidadã Patoense à Ilma Gonzaga, mãe de Pe. Fabrício, é aprovado por unanimidade

Foi aprovado por unanimidade na noite desta terça-feira (11), o requerimento de título de Cidadã Patoense à professora Ilma Gonzaga, mãe do padre Fabrício Timóteo. O autor da propositura foi o vereador Ferré Maxixe (DEM).

Dona Ilma nasceu em 29 de agosto de 1959, na cidade de Bonito de Santa Fé, no alto sertão da Paraíba, mas passou grande parte da sua vida dedicada ao serviço público na cidade de Patos, onde atuou como professora e diretora da Escola Estadual Monsenhor Manuel Vieira, conhecida como CEPA.

Segundo Ferré, esse foi um reconhecimento mais que merecido a uma cidadã paraibana que dedicou grande parte da sua vida à educação. “O trabalho dela junto a educação, fez com que muitas vidas fossem transformadas, muitos de nós vereadores fomos alunos da professora Ilma. Ela merece essa homenagem da Câmara Municipal de Patos”, disse.

Ilma é formada em Geografia pela Universidade Federal de Campina Grande (UFCG-Campus de Cajazeiras). Depois da sua formação, veio morar em Patos, onde lecionou por 25 anos na Escola Estadual Monsenhor Manuel Vieira, na mesma escola foi Diretora Geral por dois anos e dois anos como Coordenadora Administrativa.

Vale destacar os Projetos de Pesquisa e Extensão, que dona Ilma desenvolveu com seus alunos sobre arborização urbana para a cidade de Patos.

Depois de sua aposentadoria, Dona Ilma se dedicou ao comércio. Ela é proprietária da Adega do Caju, restaurante localizado ao lado da Catedral de Patos, onde trabalha até hoje.

Publicidade