Misael Nbrega - 30 de Novembro de 2017 - (229 j leram)

O ESPELHO DE CADA DIA - Misael Nbrega de Sousa

A história de Branca de Neve e os Sete Anões foi lançada em 1938 pela genialidade dos irmãos Grimm. Faz parte da trama, a rainha-bruxa, costumeiramente, perguntar ao espelho mágico: - "Escravo do espelho mágico, deixa o infinito espaço e vem pelas trevas, eu te convoco. Deixa-me ver tua face." (...) "O que ordenais, minha Rainha?" - "Fala, mágico espelho meu, quem é mais bela do que eu?" E a madrasta de Branca de Neve escuta, em resposta, sempre a mesma coisa: - "Em todo o mundo, minha querida rainha, não existe beleza maior". 

Imagino que muitos de nós, também, invocamos esse rosto-escravo do espelho para que, à nossa ordem, diga-nos, todos os dias, essa mesma frase, em retribuição - Principalmente, quando da pose de corpo inteiro antes de sair pra balada (...) 

Voltemos ao conto de fadas. 

Mas, uma única vez, ao fazer a mesma indagação, o espelho reagiu diferente: - "Famosa é a vossa beleza, majestade; porém, há uma menina entre nós, com tanto encanto e suavidade, que eu digo: Ela é mais bela do que vós". Putz, a rainha pirou! - "Pior para ela, revela-me seu nome." - E o espelho assim descreveu: "Lábios como a rosa, cabelos como o ébano e pele branca como a neve", 

É importante estarmos bem, todos os dias; e, isso, tem muito a ver com a autoestima. Para alcançarmos esse patamar, não precisamos quebrar os espelhos da casa, mas nos entendermos com nós mesmos. A beleza pode até abrir muitas portas, mas o aparente é tênue. Devemos atentar para o que veste a alma. Não precisamos pedir que nos tragam o coração de quem ofuscar a nossa beleza... porque continuaremos sendo a bruxa má.

Ao nos aceitarmos, iremos ver beleza em tudo que habita em nós. Assim, facilmente, pegamos a ingenuidade que há no feio e colocamos nas asas de uma borboleta para polinizarem mundo afora. E lá se vão todos nós. Porque somos aquilo que dissermos que somos.

Publicidade